Organismos Bioluminescentes: O Que São e Onde Encontrar

Organismos Bioluminescentes: O Que São e Onde Encontrar

 
Visitar mares, cavernas e florestas é sempre algo legal, mas se além das paisagens naturais já esperadas você encontra um magnífico cenário de luzes e brilhos? Demais né?
Seres bioluminescentes são seres capazes de gerar sua própria luz e com a escuridão da noite proporcionam fenômenos incríveis!
 

VAGALUMES
Great Smoky Mountains – Elkmont, Tenessee, Estados Unidos

FD-vagalumes-floresta-noite
 
FD-vagalumes-floresta-noite-eua
 
Os vagalumes, os seres bioluminescentes mais famosos, normalmente usam suas luzinhas piscantes para atrair parceiros e enganar predadores. Mas os vagalumes de Great Smoky Mountains acham pouco só piscar aleatoriamente, lá eles se reúnem e durante cerca de dez horas (!!) durante duas semanas em Junho piscam juntos, síncronos, como um pisca-pisca de natal e formam um cenário surreal!
 

LARVAS DE MOSCAS
Waitomo Glowworm Caves – Waikato, Nova Zelândia

FD-larvas-de-moscas-brilhantes
 
Cavernas escuras que proporcionam a sensação de estar pertinho do céu estrelado, que tal? O conjunto de cavernas Glowworm Caves abriga uma grande quantidade da mosca Arachnocampa luminosa, que em sua fase larval se fixa no teto e solta um fio de seda envolto em um muco brilhante para atrair as presas. Ao prender um inseto, o fio para de brilhar e volta para a boca da larva. Além de um incrível fenômeno da cadeia alimentar, é um espetáculo inesquecível para quem visita o local.
 

FITOPLÂNCTONS
Glistening Waters – Falmouth, Jamaica

FD-fitoplancton-glistening-whaters
 
Um lugar lindo durante o dia e brilhante durante a noite. Na lagoa jamaicana, a população de fitoplânctons é abundante e proporciona águas brilhosas durante o ano todo. Lá é só se mexer dentro da água que você cria um rasto luminoso pelo caminho, assim como os barcos e peixes que produzem ondas brilhantes. Além disso, na cultura local a lagoa é considerada uma espécie de fonte de juventude, onde as mulheres que se banham ficam mais bonitas e os homens, mais viris.
 
Dica Fabulosa: Quanto mais luz do sol a lagoa recebe durante o dia, mais os organismos vão brilhar durante a noite, por isso não é bom ir visitar o local depois de um dia de chuva ou em noite de lua cheia.
 

Confira outros lugares onde esse fenômenos ocorre:
 
VAADHO ISLANDS – Maldivas

FD-fitoplancton-maldivas
 

BIO BAY – Austrália

FD-fitoplancton-bio-bay-australia
 

GIPPSLAND LAKES – Gippsland, Victoria, Austrália

FD-gippsland-lakes
 
Além disso, o fenômeno das águas brilhantes também ocorre nas Maldivas entre Julho e Fevereiro, em Mosquito Bay em Porto Rico, nos Estados Unidos e na Austrália.
 

LULA VAGALUME
Pesca de Lula Vagalume – TOYAMA BAY, Japão

FD-lula-vagalume-japaolula-vagalume-japao
 
As pequenas lulas brilhantes (elas chegam no máximo a 7 centímetros de comprimento) emitem luzes ao longo de todo seu corpo e são encontradas aos montes da Toyama Bay. Elas normalmente vivem a cerca de 1200 metros de profundidade, mas entre março e maio, época de desova, são empurradas pela maré para a superfície, onde ao serem pescadas iluminam as redes dos pescadores e produzem um grande espetáculo.
 
 
 

Imagens: 1, 2 e 4. Katrien Vermeire – 3. divulgação – 5. Doug Perrine – 6. Andy Huchinson – 7. Phil Hart – 8. Atlas Obscura