18 Estações de Esqui que Você Precisa Conhecer

18 Estações de Esqui que Você Precisa Conhecer

 
Tem gente que nunca viu neve na vida, tem gente que já conhece e adora. Outras pessoas gostam tanto que contam os dias para a temporada de esqui, snowboard e todas as maravilhas proporcionadas. Para todos esses, o Fabuloso Destino selecionou algumas das melhores estações de esqui e as épocas mais propícias para aproveitar o ano inteiro!
 

1. ZERMATT – Suiça

FD-Zermatt-suica

Uma cidade charmosa e fofa, Zermatt é a típica aldeia suíça. O pico Matterhorn – aquele do Toblerone! – é o cartão de visita do local. No inverno, a praça central da cidade vira um ringue de patinação e os vários picos montanhosos com estações de esqui ficam lotados de pessoas do mundo inteiro; aproveite para conhecer o Glacier Palace (um museu todo feito de gelo) e curtir a comida típica da região.

Melhor época: Dezembro a fevereiro (inverno)
 

2. GIRDWOOD – Alasca, Estados Unidos

FD-Girdwood-Alasca

A cidade de Girdwood é próxima do maior resort de esqui do estado, o Alyeska Resort, e da cidade que possui um aeroporto internacional, Anchorage. A estação dificilmente lota, e a cidade ainda possui a Crow Creek, a mina de ouro mais famosa do Alasca.

Melhor época: Março, quando os dias tem cerca de 12 horas de luz solar.
 

3. MONT TREMBLANT – Quebec, Canadá

FD-Mont-tremblant-canada

Localizada entre Montreal e Ottawa, Mont Tremblant parece um típico vilarejo europeu. As atividades ao ar livre são muitas, de escalada à pesca no gelo, tirolesa, passeio de charrete na neve, esqui e snowboard. Para quem precisa, a École Sur Neige Tremblant oferece aulas de esqui.

Melhor época: Dezembro a abril.
 

4. WHISTLER – Colúmbia Britânica, Canadá

FD-Whistler-Canada

Sede das Olimpíadas de Inverno em 2010, com mais de 200 pistas de esqui, a badalada, jovial e queridinha dos esquiadores, Whistler, tem uma atmosfera vibrante. E nem é preciso alugar um carro pra ter todas as comodidades a sua disposição. Uma viagem incrível para qualquer ocasião – de passeio com a família à pura curtição.

Melhor época: Novembro a maio.
 

5. TAOS – Novo México, Estados Unidos

FD-Taos-eua
Taos é uma das cidades mais diferentes, exóticas e místicas do circuito. Já foi um antigo pueblo abandonado aos pés das montanhas Sangre de Cristo, e depois de 1955 se tornou uma cidade tipicamente destinada aos esportes de neve. A Taos Ski Valley possui descidas íngremes e uma neve muito leve e consistente.

Melhor época: Dezembro ao início de abril.
 

6. NISEKO – Japão

FD-Niseko-japao

Próxima a um vulcão ativo, o Yotei, a cidade de Niseko é um dos lugares preferidos dos esquiadores, principalmente dos australianos. São mais de 60 pistas próximas aos maiores resorts da cidade. A neve é considerada ideal, o clima é bastante favorável e a paisagem magnífica.

Melhor época: Fevereiro
 

7. FERNIE – Colúmbia Britânica, Canadá

FD-Fernie-Canada

Para os esquiadores que preferem um lugar mais “roots”, menos badalado, Fernie é a opção ideal. Localizado no oeste do Canadá, a cidade é uma graça – tem aquele estilo charmoso meio western – além das paisagem marcantes e as montanhas mais íngremes de todas. É uma ótima escolha para profissionais.

Melhor época: Dezembro a abril.
 

8. CORTINA D’AMPEZZO – Itália

FD-CortinaDAmpezzo-italia

Um lugarzinho aconchegante, intimista e sofisticado, a cidade atrai muitos esquiadores italianos e turistas do mundo todo. São mais de 140 pistas de ski e snowboard, cross country, escolas de esqui e outros esportes de invernos. É uma cidade disputadíssima.

Melhor época: Novembro a abril.
 

9. ASPEN – Colorado, Estados Unidos

FD-gondola-Aspen

Quem nunca ouviu falar de Aspen, no Colorado? O vilarejo que atrai turistas do mundo inteiro está localizado no coração das Rocky Mountains e se divide em quatro estações de esqui muito diferentes, porém integradas. O ski-resort mais luxuoso dos EUA, e os mais de 100 bares e restaurantes, garantem agito noturno e clima de badalação. Aspen é um destino ostentação.

Melhor época: Novembro a abril. Checar disponibilidade na montanha escolhida.
 

10. BANFF – Canadá

FD-Banff-canada

Um vilarejo diferente e cheio de opções para os que adoram esquiar e também para os que não se dão bem com o esporte. Além de poder patinar no Lake Louise, o visitante de Banff pode pescar em lagos congelados, passear de moto no gelo e charretes, tubbing, caminhadas e até trenós puxados por cachorros!

Melhor época: Novembro a abril
 

11. PERISHER – Austrália

FD-teleferico-perisher

Pensar em uma área de esqui na Austrália é algo inusitado, mas ela não só existe como é a maior área de esqui do Hemisfério Sul! Perisher Valley fica a uns 500km de Sidney, tem 7 montanhas e 47 teleféricos. A estrutura é bacana e as paisagens mais ainda.

Melhor época: Entre junho e agosto.
 

12. LAS LENÃS – Argentina

FD-Las-lenas-argentina

Para os esquiadores que querem fugir de Bariloche e ir para um lugar diferente na Argentina, Las Leñas é A opção. A estação fica na província de Mendoza, um destino que guarda uma excelente qualidade de neve, hotéis cinco estrelas, cassinos e restaurantes de alto nível. A maior descida da Argentina fica nessa pista, tem 7km e engloba três pistas: “Apolo”, “Netuno” e “Vênus”.

Melhor época: Junho ao início de setembro.
 

13. ÄRE – Suécia

FD-Are-noite-suecia

Äre é uma cidade completa. Você pode esquiar ou simplesmente se aventurar na tirolesa mais longa da Europa, andar em trenós puxados por huskies siberianos ou curtir uma balada. Os hotéis e restaurantes também são de primeira e a cidade privilegia desde o mais inexperiente ao maior profissional do esqui. Não é a toa que é considerada a melhor estação de esqui de toda a Escandinávia.

Melhor época: Final de setembro a abril.
 

14. HIMACHAL PRADESH – Himalayas, índia

FD-himachal-snowboard

No meio da Índia, Himachal Pradesh também é o destino para uma viagem cultural. Os mercadinhos, as casas feitas de pedras, e os restaurantes típicos são parte desse cenário interessante, cercado pelas altíssimas montanhas dos Himalayas, as maiores do mundo. Para esquiar, deve-se passar por aulas sobre como reagir no caso de avalanches e alguns pontos são acessíveis apenas de helicóptero. Uma opção maravilhosamente desafiadora para profissionais de longa data.

Melhor época: Novembro a abril.
 

15. ST. MORITZ – Suíça

FD-esquiadores-st-moritz

A estação mais luxuosa da Suíça, fica no Vale do Engadine, próxima à Itália. Tobogãs, snowparks, pólo na neve, maratonas e diversas pistas de esqui são apenas a entrada. A refeição completa está na paisagem sensacional – o lago de St. Moritz no inverno – e na infraestrutura do lugar. O vilarejo é um daqueles cantinhos do paraíso, palco de diversos filmes que atraem famosos e celebridades de todo o mundo.

Melhor época: Dezembro a fevereiro (inverno)
 

16. COURCHEVEL – França

FD-courchevel-franca

E onde poderia ser a estação mais luxuosa do mundo, se não fosse na França? Courchevel é considerada a maior área de esqui desse nosso planeta todinho. São quatro vilas diferentes nesse complexo, e quanto mais alto, mais caro fica. São restaurantes maravilhosos, lojas de griffes, chalés magníficos e hotéis cinco estrelas sem falar das pistas: de amadores à profissionais e diversas outras atividades de inverno.

Melhor época: Novembro ao início de abril.
 

17. SIERRA NEVADA – Espanha

FD-estacao-Sierra-nevada

De lá é possível ver as cordilheiras de Marrocos, porque Sierra Nevada é simplesmente a estação de maior altitude da Espanha. São diversas pistas e teleféricos, além de outras atividades de inverno. Os viajantes também podem (e devem!) aproveitar os museus, bares, restaurantes deliciosos do complexo e apreciar a belíssima paisagem.

Melhor época: Dezembro ao início de Maio.
 

18. VALLE NEVADO – Andes

FD-Valle-Nevado

Em pleno coração Andino, Valle Nevado é uma experiência única. Há pouco tempo de Santiago do Chile, o complexo oferece cerca de 39 pistas, 14 teleféricos e quatro níveis de dificuldade. O complexto possui resorts, apartamentos mobiliados e hotéis bacanas, restaurantes luxuosos e restaurantes mais simples. É uma viagem para todos os gostos.

Melhor época: Junho a agosto.