Na Bélgica, Também se Fala Francês

Na Bélgica, Também se Fala Francês

Certa vez, a Gnoimíe inventou de procurar lugares que falam francês fora da França. E essa procura nos rendeu boas viagens. Afinal, que graça teria apenas fazer a tal da busca? Uma destas pequenas aventuras nos levou a Dinant, uma cidadezinha localizada na região da Valônia, no sul da Bélgica, às margens do rio Meuse. E adivinha que se esbaldou no “bonjour” pra cá, “excusez-moi” pra lá?

A Gnomíe estava encantada com Dinant. Eu também estava. Isso porque é uma mistura de muita coisa. Ela é romântica, histórica, diferente, desafiadora. Vou contar uma coisa pra vocês, haja espírito aventureiro pra subir até a fortaleza Citadella em um teleférico um tanto quanto íngreme. Não é pra qualquer um. Também tem a opção de ir a pé, o que dá em torno de uns quatrocentos e poucos degraus. Infelizmente, o gnomo aqui já não aguenta mais tanto assim. Preferi encarar o friozinho na barriga. Mas vale. Vale muito! Lá de cima, a 100 metros do Meuse, a gente tem uma vista incrível da cidade. Sem contar o passeio que se faz por dentro da fortaleza, que pode ser guiado e que resulta em uma aula de história supimpa.

Como a maioria as cidades europeias, há também uma igreja, que não é assim, apenas uma igreja. A começar pelo nome: Notre-Dame Collégiale de Dinant. Construída no estilo gótico, entre a montanha e rio, tem uns vitrais de tirar o gorrinho, ainda que eu já estivesse sem o meu.

Meuse River Passing Through Dinant, Belgium.

E no meio de tanta história, caminhando pela Charles-de-Gaulle Bridge, a gente encontra vários saxofones coloridos. Parece que eles foram colocados lá e homenagem a Adolphe Sax, inventor desse instrumento maravilhoso. Ele era de lá mesmo. Não tem como não se encantar, né?

Bridge Across The River Meuse In Dinant, Belgium.

Falei de história, música, aventura, faltou uma característica forte da Bélgica (mesmo com toda influência francesa). A cerveja! Não é propriamente em Dinant, mas é pertinho. Estou falando da Maison Leffe, um museu da cervejaria que faz a Abadia de Leffe. E tem até uma pequena degustação no final, que só por ser belga, já começa muito bem ☺